Conheça os livros que inspiraram o filme Enola Holmes

Intitulado de Os Mistérios de Enola Holmes, a série é composta por seis livros




Filmes, GiroNerd

Estreou ontem na Netflix o tão aguardado filme da Enola Holmes protagonizado pela atriz Millie Bobby, a nossa Eleven de Stranger Things. E nas redes sociais foi o assunto do momento.

Mas você sabe quem é Enola Holmes? Pelo sobrenome já dá deduzir muita coisa, não é? Meu caro Watson? Mas você sabia que o filme é baseado em uma série de livros escritos pela americana Nancy Springer? E que a personagem nunca existiu no universo original de Sir Athur Conan Doyle?

Pois é… Senta que lá vem a história…

Intitulado de Os Mistérios de Enola Holmes, a série é composta por seis livros e acompanha as aventuras da irmã mais nova do tão famoso detetive, Sherlock Holmes. A personagem nunca existiu nos manuscritos originais ou se quiser foi mencionada. Na verdade, Enola, foi uma criação da escritora Nacy Springer.

Como os direitos da obra de Sir Arthur Conan Doyle são públicos, isso deu certa liberdade a Nancy para criar. Ela entrou nesse universo de cabeça e nos apresentou uma protagonista forte e carismática. A cada livro uma nova aventura e um caso a ser resolvido.

No Brasil todos os livros já foram publicados pela editora Novo Século e são eles: O Caso do Marquês Desaparecido, O Caso da Senhorita Canhota, o Caso dos Buquês Bizarros, O Caso do Estranho Leque Rosa, O Caso da Crinolina Misteriosa e O Caso do Adeus Cigano.

O filme lançado na Netflix é baseado no primeiro volume da série. A trama se passa em 1884, quando a mãe da Enola desaparece no seu aniversário de 16 anos. A jovem resolve buscar ajuda de seus irmãos mais velhos. Mas quando eles decidem mandá-la para um internato, ela prefere fugir e desvendar sozinha o desaparecimento de sua mãe.

O filme está sendo bastante elogiado pela crítica e pelos fãs desse universo (a única crítica que importa). Quem sabe não teremos mais filmes da Enola Holmes? Porque material a gente tem.

Sobre Saulo Mota

Jornalista em construção, apaixonado pelas palavras e pelo seu país Cariri. Viciado em séries e filmes da década de 90. Aspirante a músico, designer, fotógrafo e ainda com tempo para sonhar.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.